longe de desiludir

sem a devolução do olhar

o teu corpo

está mais distante; frio – voz incessante e necessitada; irreverente

 

olhar feito de paixão! estarei sempre

ao lado do teu corpo quente; contra

os ditadores dos costumes – sim! sei muito bem

do teu olhar refreador – feito pintor

preso na sua tela branca!

 

há uma obra amaldiçoada; perdida

no museu dos teus desejos?

 

não digas tais coisas!