Olha (o) devir

catarina-martins__0
foto: esquerda.net

Temos de escolher. Ou continuamos a globalização e a lei dos mercados e teremos Trump, Fillon ou Le Pen, Putin e Jinping, a Goldman Sachs e os cartéis da finança. Ou conquistamos uma economia dos bens comuns e teremos democracia. A esquerda que vai contar é a que sabe onde está o seu combate e a sua gente, que sabe buscar as alianças internacionais para se ergue como alternativa e que sabe dar passos firmes.

Catarina Martins, Público, 16.11.27

Anúncios